Nobreak

Conheça os programas de manutenções preventivas e contratos de serviços da Faritel Solutions e a importância das mesmas para seu negócio. Um breve descritivo dos serviços estão expostos abaixo.

Manutenção Preventiva de No-Breaks

A manutenção preventiva dos No-Breaks deve ser considerada proporcionalmente ao grau de criticidade da sua aplicação. Tem como objetivo a revisão sistemática do equipamento em busca de possíveis problemas potenciais, antes que eles ocorram, quer por desgaste e envelhecimento natural dos componentes internos ou então por falha. Um outro objetivo é a preservação e a maximização da vida útil dos mesmos.
Além de observar se a carga se mantêm dentro da sua capacidade de potência, com uma margem de segurança, a unidade deve ser mantida dentro dos limites operacionais de temperatura e umidade relativa de forma a se obter a máxima vida útil dos componentes internos.
Com carga próxima à sua capacidade nominal e operando à altas temperaturas, o desgaste do equipamento será maior.
Uma limpeza ao redor da unidade e verificação do funcionamento dos ventiladores internos é recomendável a cada 3 meses de operação contínua do tipo 24h x 7 dias. 
Para regimes de operação em horário comercial o intervalo de manutenção pode ser extendido para a cada 6 meses.
Após os primeiros 12 meses de operação o equipamento poderá ser revisado internamente efetuando-se uma limpeza interna e uma verificação nas conexões internas.
Atenção ! É importante ressaltar que o acesso interno ao equipamento deve ser somente efetuado por pessoal qualificado.
Mesmo desligado, o equipamento apresenta elevados valores de tensão e podem inclusive causar danos à integridade física do interventor caso não esteja familiarizado com os pontos críticos internos.
Recomendamos portanto que toda a intervenção interna seja feita com o acompanhamento do setor de assistência técnica.
Os fatores específicos de cada aplicação em cada cliente determinam uma necessidade específica para cada caso. Dependem do tipo de utilização, freqüência e incidência de quedas de energia, condições do ambiente de operação, nível de confiabilidade requerido para a aplicação e outros demais fatores que devem ser considerados pelo responsável da manutenção do sistema. 

Programa de Manutenção Preventiva Faritel

Serviço programado que realiza check-ups periódicos no no-break, mesmo sem problemas aparentes, capaz de detectar possíveis irregularidades ou desgastes em seus componentes que possam vir a prejudicar seu funcionamento e até ocasionar uma parada inesperada.

Vantagens:

  • Equipe de profissionais com capacidade técnica para detectar antecipadamente possíveis danos causados ao equipamento pelo desgaste natural ou por anomalias da rede elétrica;
  • Disponibilidade e garantia de peças originais;
  • Redução da necessidade de manutenções corretivas em até 70% e consequente redução de custos;
  • Otimização do tempo de vida útil dos equipamentos;
  • Baixo custo anual diluído ao longo do período;
  • Prioridade no atendimento no caso de uma parada;
  • Possibilidade de atualizações no equipamento, mantendo-o equiparado aos mais recentes.

Contratos de Serviços Faritel

A Faritel em seu programa de contratos de serviços para manutenção preventiva de Nobreaks, disponibiliza equipe qualficada que realizam visitas programadas para manutenções preventivas para aumentar a vida útil dos equipamentos e evitar paradas indesejáveis. Possuimos diversos planos e modelos de contratos, um deles se encaixa com a sus empresa. Possuimos parceiras com assitencia tecnica e comercializaçao de produtos de fornecedores como:
  • Schneider Electric - APC
  • WEG
  • SMS
  • Ragatech

Definições de Nobreaks


O que é nobreak

O nobreak é um aparelho que filtra a energia elétrica que chega aos equipamentos, fornecendo energia de qualidade e impedindo interrupções não programadas no fornecimento de eletricidade, como ocorre em caso de blecautes.
Uma tradução literal do inglês para nobreak seria “sem pausa”, fazendo referência justamente a ininterrupção de energia proporcionada por estes equipamentos. Uma curiosidade sobre o nobreak é que ele é conhecido por este nome apenas no Brasil, em qualquer outro país este equipamento é chamado de UPS (Uninterruptible Power Supply).

Para que serve o nobreak

O UPS, ou nobreak, possui duas funções básicas:

1 – Backup de energia

O nobreak funciona como uma reserva de energia em caso de necessidades. Ele proporciona um tempo de autonomia para que tarefas sejam concluídas ou que ações sejam tomadas caso o tempo de interrupção de energia elétrica da concessionária seja maior do que o período suportado pela bateria do nobreak.

2 – Proteção de energia

Outra função do nobreak, não menos importante, é “limpar” a energia fornecida pelas concessionárias, para que a eletricidade que alimenta os equipamentos seja de qualidade, evitando perda de dados e danos a qualquer equipamento que esteja ligado a ele.

Estes dispositivos são muito usados em computadores, servidores e outros aparelhos cuja interrupção pode acarretar prejuízos importantes. No entanto, ele também pode ser usados em outros equipamentos ligados à rede elétrica, como eletrodomésticos, TVs e videogames.

Os aparelhos eletrônicos podem tolerar pequenas variações nas especificações do suprimento de energia. Porém, caso a diferença seja significativa, o fornecimento de energia pode ser interrompido. Os nobreaks geralmente protegem computadores, servidores e aparelhos contra os principais problemas da rede elétrica que podem danificar os equipamentos, causar perda ou corrompimento de dados e/ou ainda alterar os resultados esperados para aquele determinado equipamento.

Como funciona o nobreak

Existem diferentes tecnologias de nobreaks, e cada uma delas impõe um funcionamento diferente para o sistema. As principais são: stand-by ou off-line, interativa e online dupla conversão.

Nobreaks standby ou off-line

Os nobreaks standby permitem que os equipamentos desliguem a energia da rede até que o nobreak detecte um problema. Quando isso acontece, o nobreak passa a fornecer energia para os equipamentos conectados a ele através de sua bateria, para protegê-los contra quedas bruscas, surtos ou falta de energia. Como a faixa de operação normal é geralmente restrita, o nobreak terá que recorrer frequentemente às baterias, o que pode reduzir a autonomia da bateria e sua vida útil.

Como funciona um no-break stand by

Nobreaks linha interativa

Os nobreaks de linha interativa são uma evolução dos nobreaks stand-by, pois regulam a tensão, aumentando ou diminuindo a energia da rede conforme necessário, antes de repassá-la para os equipamentos protegidos ou alimentar a bateria do nobreak. Os modelos de linha interativa tipicamente mudam para o modo bateria com um tempo de transferência de 3-8 ms, que está dentro dos limites aceitáveis para a maioria das equipamentos, que nem chegam a perceber este tempo de transferência.  Por possuir um regulador de tensão, a bateria dos nobreaks interativos é acionada com muito menos frequência do que nos modelos off-line, mas com maior frequência do que os equipamentos online dupla conversão.

Como funciona um no-break de linha interativa

Nobreaks online dupla conversão

No nobreak online ou de corrente contínua o equipamento é sempre alimentado pela bateria, que é recarregada constantemente. Desta maneira, a energia elétrica que chega aos equipamentos será totalmente filtrada contra os principais problemas da rede elétrica, pois a energia que alimenta os equipamentos vem da bateria do nobreak, não diretamente da tomada.

Por isso estes equipamentos proporcionam os mais altos índices de proteção, e assim recorrem ao uso de suas baterias com menos frequência que as demais tecnologias, o que prolonga sua vida útil.

Como funciona um no-break online

Os sistemas de nobreak  stand-by e interativos são mais comuns para residências, estações de trabalho e pontos de venda, porque geralmente custam a metade do preço do sistema online. Os sistemas online dupla conversão fornecem energia extremamente estável e limpa, então tendem a ser usados em servidores, network closets, data centers, indústrias, serviços e aplicações críticas em geral.